Treino com Muito Frio e um Pouco Gastronómico

Desta vez, e sob as “ordens” do comandante José Bento, seguimos rumo às Lezírias de Tejo, rondavam as temperaturas UM GRAU (1º), sem que antes tivéssemos uma baixa em plena Vila Franca de Xira, devido ao frio extremo que se fazia sentir. Ainda ponderamos voltar para trás, mas após um telefonema em cima do acontecimento de um membro, e do respetivo filho, que nos aguardavam na outra margem do Tejo, fez com que as forças regressassem com vontade de cumprir com o estipulado de início.

A volta revelou-se um pouco mais curta do que se previa, devido às condições climáticas adversas, mas, como prémio de consolação, tivemos de fazer uma paragem estratégica na Feira Gastronómica de Alverca, de forma a recuperar as forças e a temperatura corporal… 

Alhandra, junto ao Tejo, às 8h30.

Sistema revolucionário para aquecer as mãos.

Na ponte de Vila Franca a vista era muito nítida.

Mais um sistema revolucionário de aquecimento...

Foto de grupo para a posteridade na Feira da Gastronomia de Alverca.

Comentários